Assassinos vegetarianos 1 – Pol Pot

Texto original: http://www.vegetariansareevil.com/killers.html

Pol Pot – Assassino em massa e déspota vegano

Pol Pot – um vegano – assassinou cerca de dois  milhões de cambojanos  durante sua vida.

O comunista não  foi  apenas  um  assassino. Ele  também  organizou uma  fonte  de  receitas  independente  para  o  partido  através  de  trabalho  escravo  em  plantações  de  borracha  no leste  de  Camboja.

Seu Khmer Vermelho capturou Phnom Penh em abril  de 1975. Um novo  governo  foi  formado  e  o  nome  do  país  mudou  para Kampuchéa  Demorática. Phnom Penh estava  repleta  de  refugiados  de  guerra. O novo governo conduziu todos os refugiados para o interior sem preocupar-se com as consequências de suas ações. Pol Pot também elaborou uma ‘lista da morte’ de ex-oficiais do governo a serem executados.

O regime de Pol Pot exterminou um quarto da população de 8 milhões de habitantes do país, aproximadamente 2 milhões de pessoas.

Centenas de milhares de pessoas foram algemadas para cavarem suas próprias covas coletivas.  Em seguida, os soldados do Khmer Vermelho espancaram-nas até a morte com barras de ferro e enxadas ou as enterraram vivas. Um diretor do campo de extermínio do Khmer Vermelho ordenou: “Balas não devem ser desperdiçadas”.  Essas valas comuns são muitas vezes lembradas como The Killing Fields.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s